18 de outubro de 2021
Presidente predador

Presidente predador

O cara foi eleito prometendo acabar com a corrupção. Balela.Logo após a posse como presidente, o cara passou a intensificar agressões a quem discordava e discorda dele. A partir daí, o alvo têm sido 2: a Imprensa e o PT/Lula.

Com a chegada do novo Coronavírus, o cara passou a “receitar” Cloroquina e Q tais como remédios de combate ao vírus e, de tabela, à Covid-19. Com isso, começou a ser chamado de Presidente Cloroquina, presidente sem-noção (música abaixo).Agora, na nova edição da ONG Repórteres Sem Fronteiras (RSF), o cara aparece na lista dos 37 chefes de Estado considerados “predadores da liberdade de Imprensa”.

Pois bem, com isso, esse cara aí está agora lado a lado a carniceiros como Bachar AL-ASSAD (Síria), Mohammed bin Salman (Arábia Saudita), Recep Tayyip Erdogan (Turquia), Vladimir Putin (Rússia), Xi Jinping (China), Kim Jong-un (Coréia do Norte), Nicolás Maduro (Venezuela) e até duas mulheres: SHEIKH Hasina (Bangladesh) e Carrie LAM (Hong Kong).

Viver é uma tarefa difícil, já dizia com palavras próprias o personagem Diadorim (Grande Sertões Veredas). A vida de jornalista não é uma vida fácil. É cheia de riscos como todas as vidas. Mas os jornalistas continuam trabalhando com afinco e seriedade. Atenção: essa é uma característica dos jornalistas profissionais comprometidos com a verdade. Os jornalistas continuam dando furos, revelando o lixo posto debaixo dos tapetes. Hoje 5 a Folha traz à público mais um furo de reportagem: a irmã de uma das mulheres de Bolsonaro, Andrea abriu o bico e mostrou gravações incriminando o presidente da República. Segundo a denúncia o irmão de Andrea, André, foi posto pra fora do gabinete de Bolsonaro por se recusar a devolver parte do salário que ganhava à época. Estamos falando de “rachadinhas”, esquema também praticado pelos filhos de Bolsonaro. Peculato. Lembra do Queiróz? Peculato é crime de desvio de dinheiro, de malversação do dinheiro público. Noutras palavras: roubo.

A Imprensa continua fazendo a sua parte, ao revelar os ator criminosos dos detentores do poder. Mais uma coisinha: a deputada Joice Hasselmann, do PSL, acaba de revelar em live uma frase no mínimo curiosa atribuída a Bolsonaro, segundo a qual ele lhe teria dito que venceria as eleições, como venceu, “Se recebesse uma facada”. Recebeu a facada e foi eleito. Pois é. No ar há mais coisas do que aviões de carreira, não é mesmo?

Escrito por
Assis Angelo