23 de outubro de 2021
Fio da Conversa

Fio da Conversa

Vamos tricotar e crochetar com o Gustavo Seraphim. Fiquei tão entusiasmada com a conversa que só falei do tricô do Gustavo, mas eu estava crochetando. Entre lãs e agulhas rolou uma conversa muito legal

O Fio da Conversa começou em Curitiba. Homens que tricotam, batem papo, trocam experiência e falam sobre a vida.

Pessoal animado! O Gustavo Seraphim @guseraphim, idealizador do projeto, conta que é uma iniciativa que busca investigar as conexões entre os fazeres manuais têxteis e as relações de gênero, promovendo reflexão e prática por meio de pesquisas, ciclos de encontro e cursos. Com a pandemia, os encontros passaram a ser virtual.

Olha o avô com o colete que ganhou do neto. O Gustavo é pai do Francisco, advogado, gestor de projetos culturais, colunista da Revista Urdume, entusiasta da equidade de gênero e de todas as formas de trabalho manual.

O Fio da Conversa o levou a cursar mestrado na UTFPR, na linha de estudo sobre como o tricô e as manualidades influenciam na masculinidade e construção de gênero. A família agora está de mudança para Rio de Janeiro.

Instituto Urdume (https://www.urdume.com.br/)  

https://www.youtube.com/watch?v=Jkv0NrfEE70

Escrito por
Ana Paula Moraes